Campeonato De Portugal De Ralis 2018

Campeonato De Portugal De Ralis 2018 Arranca Com O Rallye Serras De Fafe

Citroën Team Aposta Num Regresso Em Grande

•   Depois de um longo período de paragem, José Pedro Fontes está de regresso ao Campeonato de Portugal de Ralis e aposta num bom resultado nos pisos de terra da região de Fafe
•   Paulo Babo vai estrear-se no Citroën Vodafone Team, mas não se trata de uma estreia como navegador de José Pedro Fontes
•   Testes pré-temporada deixaram excelentes sinais da parte do piloto e do DS 3 R5

Arranca, no próximo fim-de-semana, a temporada de 2018 do Campeonato de Portugal de Ralis, com a realização do Rallye Serras de Fafe (Terra), que estará na estrada nos dias 17 e 18 de Fevereiro. A prova levada a cabo pela Demoporto, e que tem como palco a região “catedral” dos ralis nacionais, marca o regresso à competição do Citroën Vodafone Team e do piloto José Pedro Fontes, que esteve afastado durante 10 meses, na sequência do acidente de que foi vítima no Rally de Portugal.

A recuperação do piloto correu de excelente forma e José Pedro Fontes está já a postos para um regresso que o próprio deseja ser ao mais alto nível. Assim o indicaram os testes realizados pela equipa durante o último mês e que serviram não apenas para acertos mecânicos no DS 3 R5, mas também para que o piloto pudesse avaliar a sua condição em ambiente de corrida.

Ciente de que terá de olho em si um leque de concorrentes altamente motivado e bem apetrechado, José Pedro Fontes tem o seu foco “em estar a 100% logo no arranque. Estamos de regresso ao campeonato depois de um ano em que não tive oportunidade de defender o título de 2016. Sabemos o nosso valor e acredito que vamos estar na luta pela vitória já em Fafe. Reconheço que temos, este ano, um lote de adversários ainda maior e mais forte. Respeitamos os seus intentos, mas cabe-nos mostrar a nossa capacidade e queremos fazê-lo já em Fafe, prova que, como é sabido, é do meu agrado e onde acho que temos condições para alcançar um bom resultado,” esclareceu o piloto.

Relativamente ao DS 3 R5 que vai utilizar, o piloto sublinha que não tem mudanças substanciais: “fizemos alguns pequenos ajustes, mas, como é domínio público, em breve receberemos o novo Citroën C3 R5, que contamos estrear no Rally de Portugal. Em relação a este novo carro é natural a expetativa. Pelo que sei até agora, acho que se trata de uma unidade muito competitiva que, certamente, nos proporcionará muitas alegrias...”

O Citroën Vodafone Team vai iniciar a temporada com Paulo Babo a ocupar o banco do lado direito do DS3 pilotado por José Pedro Fontes, em substituição de Inês Ponte, dado que a navegadora Campeã Nacional está ainda a realizar o seu plano de recuperação. Com uma enormíssima experiencia de ralis, Paulo Babo está, também, muito motivado, querendo, acima de tudo, representar um contributo adicional para a equipa. Babo, que há muito conhece a estrutura da Sports & You – entidade responsável pela preparação do DS3 R3 do Citroën Vodafone Team – sabe também o que representa  assumir o papel de navegador de José Pedro Fontes, já que em 2010 acompanhou o piloto portuense na vitória que garantiram no Rali Vidreiro.

Quanto ao Rallye Serras de Fafe, contará com 11 especiais e um total 122 quilómetros ao cronómetro. No sábado, 17 de fevereiro, disputam-se os troços de Lameirinha e Luílhas (2 passagens) e a Fafe Street Stage (A e B). Para domingo, 18, estão reservadas as especiais de Montim, Ruivães/Confurco e Gontim, todas elas cumpridas por duas vezes. O final da prova está agendado para as 13h28, hora da subida ao pódio montado na Praça 25 de Abril no centro de Fafe.

DUAS GERAÇÕES “R5” COM ASSINATURA CITROËN RACING

Do comprovado DS 3 R5…

Integrando inúmeras evoluções ao longo do seu processo de desenvolvimento, o DS 3 R5 da Citroën Vodafone Team está apto a enfrentar o CPR 2018. O modelo integra um motor turbo de injeção direta de 1.6 litros, com 280 cv, tração às quatro rodas, caixa de velocidades sequencial, suspensões McPherson.

… à grande novidade CITROËN C3 R5

Oficialmente estreado no final do ano passado, no Rali do Var, última prova do Campeonato de França de Ralis, como “Carro 0”, o C3 R5 é a mais recente proposta da Competição Cliente da Citroën Racing para os ralis internacionais, nomeadamente ao nível da categoria R5. Contará, por isso, com elementos mecânicos semelhantes aos do modelo que irá substituir, a médio prazo: quatro rodas motrizes, motor 1.6 turbo com injeção direta e cerca de 280 cv, caixa de velocidades manual/sequencial, etc.

CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS do DS 3 R5


MOTOR
Tipo: EP6 CDT (Transversal, à frente) Cilindrada: 1598 cc (4 cilindros, 16V) Potência (cv.DIN): 280 cv às 6 000 rpm
Binário (Nm): 400 Nm às 2 500 rpm
Regime máximo: 7500 rpm Injeção: Magneti Marelli Admissão: Borboleta simples

CHASSIS
Estrutura: Coque + Estrutura Tubular
Suspensão: Pseudo Mac Pherson (à frente/atrás)

TRANSMISSÃO
Modo: 4 rodas motrizes
Embraiagem: Duplo disco
Caixa de velocidades: BV5 (comando sequencial) Diferencial: 2, autoblocantes

DIREÇÃO
Tipo: Direta, de assistência hidráulica

TRAVÕES
À frente/atrás: Alcon 4 pistons/ Alcon 4 pistons
Diâmetro: 300 (terra)/355 (asfalto)

JANTES E PNEUS
Asfalto Jantes: Alumínio monobloco 8x18'' Pneus: 225/40R18
Terra Jantes: Alumínio monobloco 7x15“ Pneus: 215/65R15

DIMENSÕES
Comprimento x Largura: 3 948 x 1 820
Distância entre eixos: 2 460 mm

PESO
Peso mínimo: 1 230 Kg (asfalto/terra)

AS 9 PROVAS DO NACIONAL DE RALIS 2018

O Citroën Vodafone Team prevê alinhar na totalidade das 9 provas que compõem o Campeonato de Portugal de Ralis
2018, temporada que se divide entre 4 ralis de asfalto e 5 jornadas em terra, prolongando-se entre meados de fevereiro e de novembro.

Entre os 7 ralis a realizar no continente, inclui-se o Vodafone Rally de Portugal, prova pontuável para o Mundial de Ralis
(WRC) e cujo patrocinador é comum à equipa.

Novidade este ano é a subida ao escalão maior das provas de estrada do Rali de Amarante Baião, assumindo o lugar ocupado até ao ano passado pelo Rali Casino de Espinho no CNR.

O Citroen Vodafone Team irá ainda atravessar parte do Oceano Atlântico para alinhar nas restantes 2 provas, o Azores Airlines Rallye (em São Miguel), pontuável para o Europeu de Ralis (ERC), e o Rali Vinho Madeira, pontuável para o Iberian Rally Trophy (IRT) e para o Tour European Rally Series (TER).


CAMPEONATO NACIONAL DE RALIS 2018

Data Prova Organizador
17 e 18 fevereiro Rali Serras de Fafe (terra) Demoporto
22 a 24 março Azores Airlines Rallye (terra) Grupo Desportivo e Comercial
27 e 28 abril Rali de Mortágua (terra) Clube Automóvel do Centro
17 a 20 maio Vodafone Rally de Portugal (terra) Automóvel Club de Portugal
08 e 09 junho Rali Vidreiro Centro de Portugal (asfalto) C. Automóvel da Marinha Grande
30 junho e 01 julho Rali de Castelo Branco (asfalto) Escuderia de C. Branco
02 a 04 agosto Rali Vinho da Madeira (asfalto) Club Sports da Madeira
22 e 23 setembro Rali Amarante Baião (asfalto) Clube Automóvel de Amarante
17 e 18 novembro Rali Casinos do Algarve (asfalto) Clube Automóvel do Algarve

Fonte: Tito Morão |  Fotos AIFA

Partilhe este artigo

O TTVerdePT é um portal pessoal, independente e sem fins lucrativos, on-line desde o ano 2000. Decidimos ser o "tempo certo" para a "reconversão" do TTVerdePT. Assumimos agora, como "missão principal", a disponibilização do nosso vasto "Repositório de Memória" do que acompanhamos ao longo destes últimos 17 anos. Continuaremos a ser um "eco" participativo - agora mais focados no Facebook e eventualmente menos activos aqui - nos temas que nos interessam e motivam. Rejeitamos a responsabilidade pelas informações e material gráfico disponibilizados por terceiros. Este site não se subordina aos novos acordos ortográficos, aos quais é indiferente, publicando os textos conforme as preferências dos seus autores. (Y2K17 - Y2K18 - A. O.)


NOVAS Condições de Divulgação AQUI!

ATENÇÃO: Este site usa os cookies, apenas para podermos melhorar a sua utilização.