61º Volta à Córsega – Final

Estreia bem sucedidad para o C3 R5

Conquistando duas vitórias em especiais através de Stéphane Lefebvre e Gabin Moreau, numa altura em que estes lutavam pela liderança da categoria WRC2, e alcançando o 2º lugar absoluto na categoria, fruto da prestação da dupla Yoann Bonato/Benjamin Boulloud, o C3 R5 demonstrou todo o seu potencial em algumas das mais exigentes classificativas de asfalto do planeta.


Fazer a estreia competitiva do Citroën C3 R5 num rali tão difícil como é a Volta à Córsega foi o que se pode chamar de uma aposta ousada. Apropriadamente denominado como o “Rali das 10.000 Curvas”, fruto da sua ampla gama de dificuldades e superfícies de piso, este rali foi um verdadeiro banco de ensaios em grande escala.

A aposta de risco deu frutos logo no início, com Yoann Bonato, Campeão Francês de 2017, integrado na equipa de fábrica neste rali, a alcançar o 2º melhor tempo entre os concorrentes da categoria WRC2 na exigente especial de La Porta/Valle di Rostino, com quase 50 quilómetros de extensão, a apenas três décimos do piloto mais rápido. De seguida, seria a vez de Stéphane Lefebvre, o piloto oficial da Citroën Racing, que foi prejudicado na especial de abertura por um problema de travões, a realizar uma performance impressionante, dando ao C3 R5 a sua primeira vitória em classificativas. Este resultado comprovou, sem sombra de dúvidas, as capacidades daquele que é o mais recente produto de Competição Cliente da Citroën, num sentimento que voltou a crescer quando Lefebvre confirmou a sua excelente forma, ao alcançar novo melhor tempo na ES4, subindo ao 4º lugar no final da Etapa, enquanto Bonato terminava o primeiro dia de competição na 2ª posição, a apenas 20,8 segundos do líder da categoria.

Infelizmente, o dia de sábado começou com uma saída de estrada fatal para Lefebvre na SS5, etapa em que também Bonato cometeu dois erros, embora conseguindo consolidar a 2ª posição. No domingo disputou as últimas especiais do rali, percurso que inclui o troço mais longo do rali (55,17 km), entre Vero, Sarrola e Carcopino, rematando tudo no final com um bom desempenho e garantindo o primeiro pódio do C3 R5 no WRC2.

Um pódio que premeia todo o empenho e trabalho da equipa de desenvolvimento desde setembro de 2017, altura em que o carro completou os seus primeiros testes de estrada, e que se espera ser o primeiro de muitos!

O QUE ELES DISSERAM…

Pierre Budar, Diretor da Citroën Racing
“Esta primeira saída do C3 R5 foi verdadeiramente promissora, apesar de alguns problemas de juventude inevitáveis, sendo que nada substitui a experiência em competição direta. O Stéphane foi capaz de vencer troços em condições normais contra os nomes estabelecidos da categoria, sendo pena que o seu rali tenha sido interrompido. Por seu turno, o Yoann foi consistente e rápido, garantindo um merecido primeiro pódio que nos irá incentivar a redobrar os nossos esforços para fazer ainda melhor.”

Stéphane Lefebvre
“Estou, obviamente, desapontado pelo fim prematuro da minha prova, mas há alguns pontos positivos a tirar deste fim de semana. Em primeiro lugar e mais importante, o nível de performance do carro, que nos permitiu ganhar 2 das 4 especiais que terminámos. O potencial do carro é inquestionável e não tenho dúvidas de que, muito rapidamente, poderemos lutar por vitórias na categoria.”

Yoann Bonato
“Esperávamos, claramente, alcançar um resultado como este, tendo feito tudo para que tal acontecesse, embora não tivessemos 100% de certeza de que o poderíamos fazer, em especial numa prova tão icónica. Estou particularmente satisfeito com esta estreia bem-sucedida, com o C3 R5 a dar-se muito bem nestas especiais tão exigentes. Agora seremos capazes de continuar a trabalhar para o tornar ainda mais formidável.”

VOLTA À CÓRSEGA – CLASSIFICAÇÃO FINAL WRC2
1. Jan Kopecký / Pavel Dresler, Škoda Fabia R5, 3:37:27.5
2. Yoann Bonato / B. Boulloud, Citroën C3 R5, +1:51.2
3. Fabio Andolfi / S. Scattolin, Škoda Fabia R5, +3:08.5
4. O. Veiby / S. Skjærmoen, Škoda Fabia R5, +3:10.3
5. Łukasz Pieniążek / P. Mazur, Škoda Fabia R5, +13:05.6

Fonte: Jorge Magalhães

Partilhe este artigo

O TTVerdePT é um portal pessoal, independente e sem fins lucrativos, on-line desde o ano 2000. Decidimos ser o "tempo certo" para a "reconversão" do TTVerdePT. Assumimos agora, como "missão principal", a disponibilização do nosso vasto "Repositório de Memória" do que acompanhamos ao longo destes últimos 17 anos. Continuaremos a ser um "eco" participativo - agora mais focados no Facebook e eventualmente menos activos aqui - nos temas que nos interessam e motivam. Rejeitamos a responsabilidade pelas informações e material gráfico disponibilizados por terceiros. Este site não se subordina aos novos acordos ortográficos, aos quais é indiferente, publicando os textos conforme as preferências dos seus autores. (Y2K17 - Y2K18 - A. O.)


NOVAS Condições de Divulgação AQUI!

ATENÇÃO: Este site utiliza cookies, que usamos apenas para fins estatísticos, de forma a podermos melhorar a nossa experiência e a sua utilização.