Nacional Supercross - Poutena

Afonso Gomes: Da Poutena para Fafe no 2.º lugar

Jovem piloto conquistou o segundo lugar final na jornada de abertura do “Nacional” de Supercross, na Poutena.

Afonso Gomes iniciou no passado sábado, na Pista do Areeiro, em Poutena, concelho de Anadia, mais uma temporada inscrito no Campeonato Nacional de Supercross, onde há um ano atrás venceu a competição na categoria Infantis 65cc. O jovem piloto de Coimbra entrou com o pé direito e foi um dos destaques da noite ao rodar sistematicamente na luta pela vitória final.

Cada vez mais afastado do “fantasma” da lesão que contraiu no início do ano aquando do arranque da temporada de Motocross, Afonso Gomes alcança agora um bom momento de forma e mostra-se capacitado a lutar pela renovação da coroa conquistada no Supercross em 2015.

Na Poutena, o “pequeno” Afonso esteve desde sempre na luta pela vitória final, tendo na primeira corrida da noite conseguido ser o terceiro classificado, a escassos sete segundos do vencedor. Já na derradeira corrida da noite, Afonso Gomes foi mais forte e cruzou a linha de meta com um honroso primeiro lugar, que lhe valeu a conquista do segundo lugar da classificação geral e uma subida ao lugar intermédio do pódio final.

O Campeonato Nacional de Supercross regressa já na noite do próximo sábado, 13 de agosto, no norte do país, em Arões – Fafe.

Afonso Gomes: "Foi bom voltar às vitórias. Depois da minha lesão no início da época tem sido difícil conseguir impor o melhor ritmo, mas sinto que tenho vindo a evoluir bastante e estou a regressar ao meu melhor momento de forma. Vamos lutar ao longo deste campeonato por voltar a conquistar o título de Campeão na categoria Infantis 65cc."


Fotos: Luís Duarte/FMP
Fonte: Hugo Oliveira Santos

Partilhe este artigo

O TTVerdePT - online desde o ano 2000 - é um "site" pessoal independente e sem fins lucrativos, dedicado à divulgação do Todo-o-Terreno e Desportos Motorizados, assume agora como objectivo principal, a disponibilização do seu vasto repositório de memórias destes últimos 20 anos. O TTVerdePT rejeita a responsabilidade por informações e material gráfico disponibilizado por terceiros.

De Y2K a Y2K20... um longo trajecto! A.O.

ATENÇÃO: Este site usa os cookies, apenas para podermos melhorar a sua utilização.